Pediatra de adolescente

Frequentei o pediatra até os meus 17 anos de idade. Qualquer dor de cabeça, desde que nasci até o fim da minha adolescência, virava motivo para ir ao pediatra. Eu até sentia vergonha de estar na sala de espera rodeada de crianças e mães com bebês de colo. Uma guria com 1,75 metro em um consultório decorado com bichinhos nas paredes. O Dr. Oromar começou a cuidar da minha saúde no meu primeiro dia de vida e continuou cuidando por 17 anos. Quem sabe porque, na época, ainda não existia o tal do hebiatra.

Nem o meu corretor automático reconhece esse nome.

Hebiatra é uma espécie de pediatra para adolescentes. O momento normalmente recomendado para deixar de ir ao pediatra e passar a visitar o hebiatra, é entre os 11 e 13 anos, quando os jovens passam a apresentar os primeiros sinais de puberdade. A hebiatria tem como objetivo auxiliar os jovens a enfrentar as transformações e turbulências da nova fase. Até os 19 anos, todo e qualquer jovem será bem recebido no consultório de um hebiatra. E o mais legal: após a segunda consulta do jovem, os pais são convidados a esperarem do lado de fora.

Se eu tivesse descoberto esse especialista há sete anos certamente teria evitado constrangimentos em uma sala de espera com música da Xuxa.

Anúncios

Um comentário sobre “Pediatra de adolescente

  1. Pingback: Massagem para o bem o esportista | Mariana Fritsch

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s